Pimentas

Acrescentar folhas de louro e dentes de alho para dar mais sabor à conserva. Em seguida, misturar em outro recipiente o vinagre e o sal, e colocar no vidro junto com as pimentas. É daquelas pessoas que não deixa de colocar uma pimentinha para dar um toque especial às refeições? Com sabores característicos e muito utilizados na culinária, existem diversos tipos de pimenta, com cores, formatos e variações de ardência.

Existem registros sobre a comercialização da pimenta preta há aproximadamente 3.000 anos atrás. A pimenta apresenta um aroma delicioso e é geralmente consumida em pratos do dia a dia, como arroz, feijão, carnes e ensopados, sendo responsável pelo toque especial das refeições. A pimenta malagueta possui um alto grau de pungência e é uma das mais usadas nos pratos do Nordeste.

As pimentas têm diversos benefícios para a saúde e deixam os pratos doces e salgados ainda mais gostosos! Mas entre tantas pimentas diferentes, como saber o quão fortes são ou em quais receitas utilizá-las? A dedo de moça tem uma aparência muito semelhante à pimenta malagueta e aos tipos de pimenta cumari.

No entanto, a malagueta é um dos tipos de pimenta vermelha mais fortes, já vem diretamente da Angola e lá é cultivada de forma a ser extremamente forte. Você já deve ter ouvido falar em como a pimenta malagueta é picante. Ela tem um formato alongado e, quando madura, fica com uma coloração de vermelho intenso.

Essa variedade faz sucesso na culinária de diversos países, como Brasil, Índia, México e Estados Unidos, sendo consumida principalmente em conservas, molhos e saladas. A malagueta é conhecida por ser uma das pimentas mais ardidas do mundo, sendo também uma das pimentas brasileiras mais cultivadas. Muitíssimo utilizada no Nordeste, ela enriquece pratos como bobó de camarão, moqueca, vatapá e, claro, o famoso acarajé.

Pimenta Dedo De Moça

No entanto, fora das crises, o consumo de pimenta pode ser moderado e esporádico. É possível plantar pimenta em casa e fazer conservas para temperar as refeições. Em casa, a pimenta deve ser plantada vasos médios, de cerca de 30 cm de diâmetro, devendo ser regada sempre que a terra estiver seca, de preferência pela manhã ou ao final da tarde.

Se necessário, deve-se amarrar uma estaca fina ao lado do pimenteiro, para guiar seu crescimento. Para ajudar a emagrecer, a pimenta deve ser usada na forma fresca, desidratada ou em molhos caseiros, podendo ser adicionada às refeições, especialmente o almoço e o jantar. A culinária brasileira é uma das que mais as utilizam, e com razão!

tipos de pimenta

A preparação deve ser feita com luvas e máscaras para evitar a inalação do pó provindo das sementes moídas. De modo geral, os molhos costumam misturar dois ou mais tipos de pimenta em sua elaboração. Essas combinações geralmente resultam em produtos com maior ardência, mas que também agregam muito sabor ao alimento em que são adicionadas. Existe uma escala mundial de medição de ardência de pimentas e molhos à base delas, chamada de Escala Scoville. Criada em 1912 por Wilbur L. Scoville, ela mede a concentração do componente químico capsaicina, composto ativo que gera a sensação de picância. As pimentas trazem diversos benefícios para a saúde, como o aceleramento do metabolismo e o controle do colesterol.

Os Tipos Mais Populares E Receitas Usando O Ingrediente

E se você é um fã de comida com personalidade, vai gostar de saber mais sobre as principais variedades de pimenta. A pimenta preta, conhecida no Brasil como pimenta do reino, é um tipo de pimenta já difundido na culinária há milhares de anos. Com um sabor amargo e levemente picante, essa é uma das especiarias mais antigas do mundo e considerada uma das principais.

No passado os grãos da Piper Nigrum eram muito procurados e comercializados por ser um importante conservante para carnes. Assim como o nome já indica, essa pimenta é caracterizada por um prolongamento na ponta, formando um bico. Vermelha, com sabor suave, é muito consumida pura, como aperitivo. Além de ser utilizada em receitas leves, como saladas e grelhados, seu uso é comum em decorações, trazendo uma delicadeza ao prato.

Como Apreciar Uma Pimenta?

É muito presente em receitas como o tucupi, vatapá e moqueca. O teste Scoville consiste em dissolver uma solução do extrato de pimenta em água com açúcar até que a ardência não seja mais constatável. Como os tipos são muito variados, é comum encontrar características muito diferentes. Desde o sabor, acidez, tamanho e formato, é possível ressaltar características diferentes de um tipo para outro.

São muito utilizados em uma série de receitas e possuem características bem distintas entre si. Entre tais características, o grau de ardência também pode mudar, já que as pimentas são classificadas de forma diferente. A ardência é definida através de uma substância presente na pimenta, a Capsaicina, que é encontrada na placenta, aquela parte onde estão as sementes de pimentas, normalmente juntas.

A receita do molho inclui pimentas maceradas, que devem ser fermentadas e envelhecidas em barris de carvalho branco durante três anos para garantir o sabor concentrado e intenso desse clássico. É bastante utilizada na culinária indiana, mas seu consumo deve ser moderado pois, quando em excesso, pode irritar o organismo. A Bhut Jolokia é aconselhada para aqueles que gostam de tipos de pimentas ardidas se desafiar em pratos apimentados.

Também chamada de pimenta fantasma, essa espécie foi reconhecida pelo Guinness World Record sem 2007 como a mais picante do globo. O manuseio dessa especiaria deve ser feito com uma luva, uma vez que sua ardência pode provocar queimaduras na pele. É extremamente potente, mas quando usada com moderação, garante um sabor inigualável ao prato.

Receitas Para Ninguém Colocar Defeito

De aparência delicada, também é muito utilizada para decorar pratos. Assim como a pimenta do reino, possui propriedades benéficas para a saúde. É apontada como auxiliar no tratamento da doença de Alzheimer. Capazes de proporcionar sabor e aroma inigualáveis ao prato de acordo com suas características únicas, que podem variar de acordo com a espécie que foi escolhida para compor a receita.

Também bastante conhecida pelo mundo todo, a pimenta caiena acaba sendo utilizada mais em molhos ou como condimento seco com muito cuidado, afinal, tem sabor mais forte. A pimenta jalapeño, de origem mexicana, é um pouco maior e bastante consumida in natura, por isso é famosa por ter um sabor muito ardente, isso por conta da quantidade que consumimos. O diferencial é que tem bastante polpa, a qual é famosa pelo molho chipotle.

Deixar uma resposta